Blog /

Prova da OAB: Saiba tudo sobre o exame da Ordem dos Advogados

Depois de anos de estudo e muita dedicação, o estudante de Direito finalmente consegue colar grau e se tornar um bacharel. Mas saiba que os estudos não acabam por aí. É preciso, ainda, realizar a prova da OAB para comprovar os seus conhecimentos na área e conseguir a admissão na Ordem para poder advogar.

A famosa prova da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) é um exame com taxa elevada de reprovação. Por isso, é preciso grande dedicação, estudo e preparo para conseguir a aprovação.

Se você está se preparando para realizar o exame, confira neste artigo tudo sobre a prova da OAB:

  • O que é a prova da OAB;
  • O calendário;
  • Questões da prova;
  • Quem elabora e aplica a Prova da OAB;
  • Inscrições;
  • E como se comportar no dia da prova da OAB.

Continue a leitura!

O que é a Prova da OAB



A prova de admissão na Ordem existe desde 1963 e foi instaurada para tentar manter um padrão elevado entre os estudantes que se formaram e que pretendiam exercer as atividades da advocacia.

É, na prática, a avaliação utilizada para identificar o nível de conhecimento e capacidade que o bacharel em direito tem para o exercício da profissão.

Ela é tão importante que, somente após a realização e aprovação do candidato, é possível obter a inscrição nos quadros da OAB.

Ou seja, qualquer advogado que atua na área, um dia, foi aprovado no Exame da OAB e recebeu a tão sonhada carteira da OAB.

Calendário da prova da OAB 2020: mudanças



A pandemia do novo coronavírus provocou alterações no calendário da prova da Ordem.

Inicialmente, a 2ª fase do XXXI Exame de Ordem da OAB estava marcada para o final de abril, mas foi remarcada para 28 de junho de 2020. Vale lembrar que a prova da 1ª fase ocorreu no dia 9 de fevereiro deste ano.

Para quem não lembra, o Calendário OAB 2020 foi inicialmente divulgado em dezembro de 2019. Assim como nos anos anteriores, foram marcados três exames para que os estudantes pudessem conquistar o registro junto à OAB.

Além do XXXI, o calendário previa e realização do XXXII (com a 1ª fase prevista para junho) e o XXXIII (com a 1ª fase prevista para outubro) em 2020.

No entanto, até agora, a Coordenação Nacional do Exame da Ordem dos Advogados do Brasil não divulgou as novas datas dos exames no segundo semestre.

Confira abaixo as datas oficiais do Calendário OAB 2020, que ainda podem sofrer mais alterações devido à pandemia.

XXXI Exame de Ordem Unificado

  • Publicação do Edital de Abertura - 02/12/2019
  • Período de Inscrição - 02/12/2019 a 09/12/2019
  • Prova Objetiva - 1ª fase - 09/02/2020
  • Prova prático-profissional - 2ª fase - 31/05/2020 (adiada) - nova data 28/06/2020

XXXII Exame de Ordem Unificado

  • Edital: 01/04/2020
  • Inscrições: 01/04/2020 a 08/04/2020
  • 1ª fase: a confirmar
  • 2ª fase: a confirmar

XXXIII Exame de Ordem Unificado

  • Edital: 10/08/2020 (previsto)
  • Inscrições: 10/08/2020 a 17/08/2020 (previsto)
  • 1ª fase: a confirmar
  • 2ª fase: a confirmar

Quantas questões é preciso acertar para ser aprovado na OAB?

Mesmo com a pandemia, muitos estudantes continuaram a preparação para a prova. E uma das principais precupações é referente ao número mínimo de acertos para aprovação.

E, para esse ano, permance a regra das últimas avaliações: para ser aprovado na 1ª fase, é preciso acertar, no mínimo, 40 questões - de um total de 80; na 2ª etapa, cada candidato precisa alcançar pelo menos 6 pontos - de um total de 10.

Verifique e reserve as datas importantes para a realização da prova. Procure se organizar para que não tenha nenhum outro compromisso que venha a conflitar com a data da prova e, até mesmo, com o dia anterior.

Somente dessa forma o candidato pode canalizar a sua concentração e obter um excelente desempenho.

Questões da prova da OAB



Prova Objetiva (1ª fase)

Conforme adiantamos no tópico anterior, a 1ª fase da prova da Ordem é composta por 80 questões de múltipla escolha (com quatro alternativas de resposta em cada). Essas questões são amplas e abrangem todo o conteúdo estudado durante os anos de faculdade.

Nos editais, não há descrição sobre o número de questões por disciplina na prova da OAB. Mas, se consideramos as últimas edições, podemos fazer algumas estimativas. Em geral, cobra-se, por exemplo, 8 questões da disciplina Ética Profissional.

Com base em provas anteriores da OAB, também podemos dizer que questões de Direito Constitucional, Administrativo, Civil e Penal, além de Processo Penal e Civil e Ética Profissional costumam representar cerca de 50% das questões da prova.

Segundo um dos anexos do edital, as matérias que podem ser cobradas na prova são:

  • Ética Profissional;
  • Filosofia do Direito;
  • Estatuto da Criança e do Adolescente;
  • Direitos Humanos;
  • Direito Ambiental;
  • Direito Tributário;
  • Direito Constitucional;
  • Direito Administrativo;
  • Direito Internacional;
  • Direito do Consumidor;
  • Direito Civil;
  • Direito Empresarial;
  • Processo Civil;
  • Direito do Trabalho;
  • Processo do Trabalho;
  • Direito Penal;
  • Processo Penal.

Informações importantes sobre a prova da 1ª fase

É preciso gerenciar corretamente o horário disponível para que o tempo esteja a seu favor e seja possível responder com tranquilidade e assertividade o maior número possível de questões.

A organização e gerenciamento do tempo irá evitar que o participante assinale questões erradas pela falta de concentração.

É importante que o candidato leia atentamente o enunciado de cada questão e, caso fique na dúvida, pule para próxima. O ideal é iniciar pelas questões de disciplinas que você tem mais facilidade e deixar as mais difíceis para depois.

O participante poderá ser aprovado se responder com exatidão ao menos 50% do exame. Por mais que sejam 40 questões da prova da Ordem, esse é um índice elevado, levando em consideração o nível de dificuldade das questões.

Importante: é proibido qualquer tipo de consulta.

Prova Prático-profissional

Na 2ª fase da prova as questões serão mais específicas. Nesta fase, o bacharel responde a 4 questões discursivas (além de uma peça processual) da disciplina de interesse (ou maior conhecimento) que deve ser escolhida no momento da inscrição.

São sete áreas de opção:

  • Direito Constitucional;
  • Direito Administrativo;
  • Direito Civil;
  • Direito Penal;
  • Direito Empresarial;
  • Direito do Trabalho;
  • Direito Tributário.
  • Em cada uma dessas áreas o candidato deve dominar não apenas a parte material, mas especialmente a parte processual.

    Informações importantes sobre a prova da 2ª fase

    Conforme falamos há alguns tópicos, a prova da 2ª fase possui um valor máximo de 10 pontos. Segundo o edital, 5 pontos são referentes à redação da peça profissional e 1,25 ponto para cada uma das questões dissertativas.

    Para ser aprovado, o candidato precisa de, no mínimo, 6 pontos.

    Assim como na 1ª fase, a prova da 2ª fase também tem a duração de 5 horas.

    Ha, no entanto, uma diferença importante: o candidato pode munir-se de itens para consultas, como súmulas, orientações jurisprudenciais ou algum normativo.

    É expressamente proibido que haja anotações ou comentários do candidato em qualquer material.

    Desde 2013, a OAB permite que candidatos aprovados na 1ª fase, porém reprovados na seguinte, façam direto a 2ª fase. Dessa forma, candidatos não precisam refazer a prova inicial de 80 questões.

    Quem elabora e aplica a Prova da OAB?



    A FGV é uma das instituições de ensino de maior prestígio do país e tem um das bancas de concursos mais respeitadas. Desde 2010, é a responsável por formular a prova da OAB.

    Como organizadora de provas, a FGV é conhecida pelos longos enunciados de cada pergunta e, no caso do Exame da Ordem, por oferecer 4 alternativas de respostas - sendo que 1 apenas está correta.

    Além disso, candidatos também destacam que não há necessariamente um padrão quanto à dificuldade das questões. Enquanto algumas até surpreendem pela facilidade, outras são tão complexas que uma parcela pequena dos candidatos consegue acertar.

    Como toda organização que elabora provas, alguns padrões - ou ausência deles - podem sempre ser notados. Uma das formas de estudo também é estudar as provas anteriores da OAB para se familiarizar com os tipos de perguntas e conteúdo cobrado.

    Inscrições para o exame da OAB: Passo a passo

    Para realizar a inscrição para a prova da OAB, não é preciso esperar a colação de grau. O participante pode estar no último ano do curso ou ainda, nos dois últimos semestres da graduação para realizar a sua inscrição e participação na prova.

    Por falar nisso, caso ainda precise de horas complementares para sua formação, dê uma lida no nosso artigo sobre o assunto.

    Os passos para realizar a inscrição na prova são:

    • Acesse o site da FGV para realizar a inscrição;
    • Selecione o exame da Ordem que deseja ter acesso;
    • Na janela a seguir, selecione a seccional desejada;
    • Confira as informações necessárias e realize seu cadastro, preenchendo os campos solicitados;
    • Confirme a sua inscrição e participação;
    • Assim que a inscrição for realizada, é preciso solicitar o boleto no valor de R$260,00.

    Acompanhe o edital da prova da Ordem, que também é publicado no site da FGV, para ter acesso a todas as informações necessárias para a realização da prova.

    É importante fazer curso para passar na Prova da OAB?



    Antes de mais nada, como qualquer processo de aprovação, é necessário entender que a jornada é longa.

    Ou seja, será preciso muito estudo, foco e principalmente organização para conseguir dar conta de todas as matérias necessárias.

    Há pessoas que preferem estudar por conta própria. Mas esse não costuma ser um dos melhores caminhos. Cursos e simulados ajudam na preparação e são algumas das principais alternativas para os candidatos conseguirem a tão sonhada aprovação.

    Estudar para a prova da OAB: Cursos e simulados

    São muitas as áreas do direito e é muito extensa a quantidade de conteúdos que podem ser abordados nas questões da prova.

    Para aumentar as suas chances de aprovação na prova da OAB, é importante encontrar cursos preparatórios adequados e realizar simulados que irão auxiliar na sua preparação. Esta é a maneira mais apropriada para se obter um excelente desempenho nas duas fases da prova.

    Para facilitar a sua vida, selecionamos cursos intensivos para a primeira fase e um simulado para ajudar na sua preparação:

    Os dois primeiros cursos que selecionamos são oferecidos pela Udemy. Saiba mais sobre esse site de cursos no artigo que escrevemos avaliando esta plataforma.

    Já o Estratégia Concursos é um dos principais preparatórios de provas do Brasil. Leia o review completo e confira se o Estratégia Concursos é bom nas aprovações.

    Jamais deixe para estudar em cima da hora ou poucos dias antes da data marcada para a prova. Os candidatos com maior índice de aprovação nesse exame se dedicam aos estudos e encaram a preparação com seriedade.

    Afinal, é uma prova importante que terá impacto direto na vida profissional do candidato.

    Para os candidatos com o tempo apertado, optar por cursos online para realizar a preparação pode ser a escolha mais adequada. Separe um tempo durante a sua corrida rotina para assistir às aulas e para fazer os simulados.

    Tudo isso vai facilitar seu trajeto para alcançar o objetivo de ser aprovado no exame da Ordem e obter a sua licença para atuar como advogado.

    Mesmo frequentando excelentes faculdades, e até mesmo se já tiver estagiando na área de direito, é indispensável que o candidato realize o curso preparatório para a prova e, assim, consiga aumentar as suas chances de ser aprovado.

    Dicas para o dia da prova da OAB



    A prova da OAB tem um nível de dificuldade elevado. Mas isso não significa que a aprovação seja algo impossível para o candidato bem preparado técnica e psicologicamente.

    Agora que você ja sabe tudo sobre a prova da OAB, vamos passar algumas dicas para te auxiliar na preparação do exame.

    Confira!

    1ª dica

    O primeiro e mais importante passo é ter disciplina e força de vontade. Essas duas virtudes são necessárias para manter o foco na rotina de estudos necessária para obter a aprovação. Caso precise de uma força extra para trabalhar a mente e alcançar uma melhor concentração, este curso pode ajudar.

    2ª dica

    Não deixe para se preocupar com a prova da Ordem apenas depois da sua formatura e colação de grau. Mesmo durante a faculdade é possível pesquisar provas anteriores e ir se ambientando com as questões aplicadas no exame.

    3ª dica

    Sem dúvida, uma das melhores dicas para se preparar para a prova da OAB é a leitura dinâmica. Através dessa modalidade de leitura, é possível absorver o máximo de conteúdo em um tempo menor do que o de costume. Para aprimorar a sua leitura, separados um curso incrível que te ajudará a estudar de forma otimizada.

    4ª dica

    Gerenciar corretamente o tempo da prova para ler, entender e assinalar corretamente qual a resposta para cada uma das questões disponíveis em sua prova também é algo crucial.

    5ª dica

    É muito importante lembrar de manter a calma e serenidade, para que o nervosismo não atrapalhe o seu raciocínio. O dia da prova é tenso, sabendo da importância de um exame como esse, é necessário pensar em estratégias para acalmar a mente e para a forma como responderá as questões da prova.

    6ª dica

    Procure fazer pequenas pausas sem que isso prejudique a execução da prova, mas pode ser benéfico dar um descanso à sua mente e, assim, manter a concentração necessária para a melhor interpretação das questões.

    Esperamos que nossas dicas e cursos selecionados ajudem em sua aprovação.

    Boa sorte na prova!

Felipe Bernardes
I am an economist responsible for Marketing and SEO strategies at Classpert. I usually write about entrepreneurship, e-learning platforms, marketing, SEO, stock trading, and related subjects.